Transex e Travestis DF

Cresce o número de crimes contra travestis no Brasil

Mais um caso de violência contra travestis ou transexuais no DF. O passado dia 17, quinta feira, uma garota de programa transex foi esfaqueada por cliente dentro de carro. O caso ocorreu em Taguatinga, região administrativa do Distrito Federal. Crime é investigado como tentativa de homicídio. Agressor, um homem caminhoneiro de 69 anos, foi preso em flagrante e levado para DP.

Uma jovem garota de programa travesti de apenas 18 anos foi esfaqueada dentro do carro de um cliente. O caso é investigado como tentativa de homicídio. Quando a polícia chegou ao local, o agressor ainda estava no veículo e tinha manchas de sangue nas mãos.

Segundo as investigações da Polícia Civil, ele admitiu ter brigado com a garota trans e disse que a esfaqueou no peito. Durante a perícia, os agentes apreenderam um canivete, que teria sido a arma usada no crime.

Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga).

Segundo outras garotas de programa testemunhas no local, os bombeiros chegaram meia hora após ser acionados e a jovem ficou deitada na calçada todo esse tempo.

Com a chegada dos bombeiros ela foi levada para o Hospital Regional de Taguatinga e internada em estado grave. Ela sofreu perfurações de faca no abdômen e no peito.

A mulher trans Laysa Fortuna morta após ser esfaqueada no tórax em Aracaju (Foto: https://observatoriog.bol.uol.com.br )
A mulher trans Laysa Fortuna morta após ser esfaqueada no tórax em Aracaju (Foto: https://observatoriog.bol.uol.com.br )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.